Como organizar as medicações do idoso: 4 ideias para facilitar o gerenciamento

320

Para alguns idosos o gerenciamento das medicações é algo que sempre esteve na rotina, mas, às vezes, torna-se desafiador, seja pela quantidade de medicamentos que devem ser tomados ao longo do dia ou devido ao início de algum comprometimento cognitivo.

Existem algumas estratégias, que, quando bem orientadas, funcionam para manter o idoso no controle seguro das medicações. Vamos às dicas:

Organize os medicamentos:

O ideal é deixar os medicamentos organizados em apenas um lugar, de fácil acesso, se possível, já com uma garrafa com água ao lado, isso evita que ele saia com o medicamento na mão para tomar água e se envolva em outra tarefa, podendo esquecer de tomar o medicamento ao se distrair.

Faça uma lista:

Construir com o idoso uma lista com suas respectivas medicações na ordem e com horário pode facilitar. Deixe a lista junto aos medicamentos, no lugar escolhido por ele. Ao definir horários fica mais fácil saber se tomou ou não.

Crie um quadro semanal:

Criar um quadro para anotação e confirmação mais eficaz dos medicamentos pode ser uma solução prática, que facilita, inclusive, para os cuidadores, identificando se as medicações estão sendo tomadas com êxito.

Para construir o quadro, siga a referência da imagem abaixo, colocando os medicamentos em formato de tabela, com os dias da semana, assim, ele atualiza a cada medicamento que tomou.

Use a assistente virtual:

As assistentes virtuais estão cada vez mais populares, seja a assistente da google, ou Amazon, ambas possuem a notificação de lembretes que podem facilitar o controle das medicações na rotina. Crie uma rotina de lembretes nos horários dos medicamentos.

(Leia mais: Como a Alexa pode facilitar o cotidiano de idosos com comprometimento cognitivo leve)


Como falamos acima, essa é uma lista de 5 possíveis estratégias de facilitação do gerenciamento de medicações que podem ser inclusas na rotina de cuidado do idoso. Lembramos também que cada pessoa é única e que algumas estratégias podem não ser efetivas. Procure um terapeuta Ocupacional para adaptar de acordo com as capacidades e necessidades do idoso.


Clique aqui e conheça os E-books do Reab

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.