Passarinha: romance inesquecível sobre menina com Autismo e Asperger

1
4095

“No mundo de Caitlin tudo é preto ou branco. As coisas são boas ou más. Qualquer coisa no meio do caminho é confusa. Essa é a máxima que o irmão mais velho de Caitlin sempre repetiu. Mas agora seu irmão Devon está morto e o pai não está ajudando em nada. Caitlin quer acabar com isso, mas como uma menina de onze anos de idade com síndrome de Asperger ela não sabe como. Quando ela lê a definição de encerramento ela percebe que é o que ela precisa. Em sua busca por ele, Caitlin descobre que nem tudo é preto ou branco, o mundo está cheio de cores, mesmo confuso e bonito.” Essa é a resenha do livro Passarinha que tem sido inesquecível para muitos que leem sobre Autismo e Asperger.

passarinha

Quem o escreveu foi Kathryn Erskine, uma escritora americana de literatura infantil que já ganhou vários prêmios com seus romances. Sua nova obra, Passarinha, que foi lançada  Brasil durante a Bienal do Livro, no Rio de Janeiro, traz a história de Caitlin, autista e portadora da Síndrome de Asperger.

A personagem perde o irmão mais velho e melhor amigo, Devon, em um atentado sangrento, fatal e violento à escola dele. Com a morte do familiar ela perde seu tradutor da realidade. Ela precisa se virar sozinha porque o pai e toda a comunidade ficam devastados. Apesar de ter escrito uma ficção, a autora — que tem uma filha autista de 16 anos — baseou-se em extensa pesquisa científica sobre o tema.

Em Passarinha a autora soube desenvolver a narrativa através da situação de dor da família de Caitlin, de forma simples e doce. Acompanhamos o crescimento da menina com sua condição e toda a superação dos seus limites ainda que, aparentemente, seu mundo esteja destroçado. A menina encontra uma grande incentivadora, a Sra. Brook, uma terapeuta escolar que a ajuda e auxilia no momento pós-trauma da perda do irmão, que a ajuda a vencer os limites que essa síndrome pode querer impor e que a ensina conceitos lindos como a amizade, empatia e amor .

A editora do livro é Valentina e ele pode ser encontrado em livrarias como Saraiva e Cultura. Por favor, quem leu comenta! Estamos curiosos aqui!!

fonte: drafts da nica

Sou terapeuta ocupacional de formação, comunicadora por dom e experiência ao longo dos 10 anos frente ao reab.me; empresária que aposta na produção de produtos e conteúdos significativos e com propósito para ajudar as pessoas que precisam dos cuidado da reabilitação. Editora-chefe do Reab.me. Terapeuta Ocupacional (UFPE) com especialização em Tecnologia Assistiva (UNICAP). Mestre em Design (UFPE). Sou autora de 4 livros de exercícios para estimulação cognitiva que servem como material de apoio em contextos terapêuticos que visam a manutenção ou melhora de disfunções cognitivas. Sendo eles: - 50 exercícios para estimulação cognitiva: o cotidiano em evidência; - 50 exercícios para estimulação cognitiva: a culinária em evidência; - 50 exercícios para estimulação cognitiva: a família em evidência; - 50 exercícios para estimulação cognitiva de crianças com dificuldades de aprendizagem. No mais, sou Ana, esposa de Fábio, mãe de Olga e Inácio. Praticante de meditação e yoga.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.