Caixa de atividades inclusivas para sala de aula!

0
5282

A internet permite uma troca de experiências que pode ser muito útil para certas atuações profissionais. Claro que aqui não estamos falando de prática baseada em evidências, mas estamos falando de algo que antecede isso: o que alguns fazem e funciona.

A caixa de inclusão para salas de aula parece ser um desses casos onde a troca de informações do que funciona em uma experiência pode estimular e influenciar, inspirar outras experiências.

No blog Learning Ahoy! a professora de educação especial Caitlin conta da “Caixa de Inclusão” que faz parte de algumas salas onde ela ensina. Essa caixa é geralmente usada para os alunos que estão em atividades escolares abaixo do seu nível e precisam de um apoio exclusivo de 1 adulto.

Mas o que tem nessa caixa? O essencial, segundo a professora, é uma caixinha (ou estojo) com marcadores, uma borracha, um dado, e às vezes lápis/lápis de cor. O importante é se certificar que ali tem tem tudo necessário para completar as tarefas que também estão na caixa. Esses materiais devem tornar mais fácil para o adulto trabalhar com o aluno e para o aluno se manter na tarefa.

 

Sobre as tarefas..

Atividades matemáticas:

Um quebra-cabeça de números é o primeiro material recomendado. Aqueles números de encaixe em emborrachado são exemplos de baixo custo que podem ser usados na hora que você quer diversão e também para praticar a identificação de números.

Outro tipo de material é um quebra-cabeça onde as peças devem ser unidas, de um lado o algarismo que deve ser encaixado nas suas quantidades correspondentes.  (Percebam que na imagem ela colocou um jogo que possui a representação em Língua de Sinais!!)

Outra atividade com número é simplesmente os números 1 – 10 que podem servir como base para a criança escrevê-los com marcadores não permanentes. Os números são impressos um em cada uma página e plastificados. Em seguida, podem ser colocados em um fichário.

Ao longo do ano a caixa pode ganhar materiais com formas e até atividades de adição simples.

Atividades de linguagem:

Atividades que permitam o reconhecimento da letra podem ser criados ou encontrados nas lojas de baixo custo. Além de jogos de reconhecimento, pode-se incluir atividade de relacionar maiúsculas e minúsculas letra a letra. Atividades pré-escrita de grafismo também podem ser colocados em uma pasta a parte e colocada na caixa.

(Veja aqui 500 atividades de grafismo para download!!)

Extras…

Pode-se incluir na pasta atividades simples para serem usadas conforme o necessário. Atividades que incluem prática de rastreamento, prática de recorte, outras de identificação de número, etc.

Sou terapeuta ocupacional de formação, comunicadora por dom e experiência ao longo dos 10 anos frente ao reab.me; empresária que aposta na produção de produtos e conteúdos significativos e com propósito para ajudar as pessoas que precisam dos cuidado da reabilitação. Editora-chefe do Reab.me. Terapeuta Ocupacional (UFPE) com especialização em Tecnologia Assistiva (UNICAP). Mestre em Design (UFPE). Sou autora de 4 livros de exercícios para estimulação cognitiva que servem como material de apoio em contextos terapêuticos que visam a manutenção ou melhora de disfunções cognitivas. Sendo eles: - 50 exercícios para estimulação cognitiva: o cotidiano em evidência; - 50 exercícios para estimulação cognitiva: a culinária em evidência; - 50 exercícios para estimulação cognitiva: a família em evidência; - 50 exercícios para estimulação cognitiva de crianças com dificuldades de aprendizagem. No mais, sou Ana, esposa de Fábio, mãe de Olga e Inácio. Praticante de meditação e yoga.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.