Atrasos da linguagem em irmãos autistas

0
2687

Pesquisadores da Washington Missouri University School of Medicine, em St. Louis encontra traços suaves – não é forte o suficiente para provocar um diagnóstico de autismo – que parecem estar presentes nos irmãos de crianças autistas.

O estudo publicado no The American Journal of Psychiatry relata que um em cada cinco irmãos de autistas apresentam atrasos de linguagem ou problemas de fala no início da vida. Muitos irmãos do sexo feminino tinham traços sutis, mas poucos tinham transtornos de linguagem que fazem parte do espectro do autismo.

Os meninos parecem ser  quatro vezes mais afetados que as meninas pelo autismo, mas no que diz respeito a esses traços sutis, a relação é de três meninos afetados para cada duas meninas afetadas.

Os sintomas leves, chamado características quantitativas, podem causar confusão nos estudos que comparam crianças com autismo a seus irmãos”, afirmou o autor Dr. João Constantino. Ele ainda sugere que ambas crianças, a autista e a com traços leves (problemas sutis de linguagem) possuem genes que contribuem para o autismo.”

Fonte: UPI.com

Foto: Ted Abbott

Sou terapeuta ocupacional de formação, comunicadora por dom e experiência ao longo dos 10 anos frente ao reab.me; empresária que aposta na produção de produtos e conteúdos significativos e com propósito para ajudar as pessoas que precisam dos cuidado da reabilitação. Editora-chefe do Reab.me. Terapeuta Ocupacional (UFPE) com especialização em Tecnologia Assistiva (UNICAP). Mestre em Design (UFPE). Sou autora de 4 livros de exercícios para estimulação cognitiva que servem como material de apoio em contextos terapêuticos que visam a manutenção ou melhora de disfunções cognitivas. Sendo eles: - 50 exercícios para estimulação cognitiva: o cotidiano em evidência; - 50 exercícios para estimulação cognitiva: a culinária em evidência; - 50 exercícios para estimulação cognitiva: a família em evidência; - 50 exercícios para estimulação cognitiva de crianças com dificuldades de aprendizagem. No mais, sou Ana, esposa de Fábio, mãe de Olga e Inácio. Praticante de meditação e yoga.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.