Usando fotografias antigas da sua cidade

3
2787

Fiz um trabalho super bacana com um cliente recentemente. Recolhi na internet fotos antigas de ruas importantes, estabelecimentos comerciais, clubes, cinemas e outros lugares conhecidos da cidade que ele morava.

Inicialmente, mostrei cada uma das fotografias individualmente para que ele tentasse reconhecer. Durante este momento, explorei bastante a busca por lembranças e situações vividas em cada um daqueles lugares. Tentei reforçar também o que ainda existe hoje e o que não existe mais. Além disso, tomando como ponto de referência a casa do cliente, ordenamos as fotografias de acordo com a distância de sua residência.

Fica a dica!

Ana P.

3 COMENTÁRIOS

  1. Eu sou estudante ainda. Mas fiz isso também na minha prática em geronto. Mas aproveitei as fotos, e fiz um joguinho de memória com a idosa. Foi ótimo! Quando ela acertava os pares, ela me contava coisas que ela se sentia a vontade de dizer. Ela se sentiu motivada e abriu a gavetinha das lembranças dela, e foi hilario ela contando o passado dela…

    ÓTIMO!

  2. Olá!
    Usei o mesmo princípio deste exercício com o time da família do meu cliente que tem afasia…ele diz que não torce mais por time algum…mas o Atlético Mineiro “mexe” com sua memória afetiva…Coletei na internet fotos de jogadores, escudos, campeonatos, técnicos,mascote, grandes ídolos (como estão hoje, situações marcantes, notícias) etc dos anos 70 a 90…ele lembrou do pai que era louco com o Atlético, falou do Nelinho , jogador que era do Cruzeiro (rival do Atlético) e passou para o Atlético…eu o atendo aos sábados…ele me disse que no dia seguinte haveria o clássico Cruzeiro e Atlético, mas que o Cruzeiro provavelmente ganharia porque ele tinha um time melhor (detalhe: sou flamenguista e não tenho proximidade com os times daqui…moro em BH, mas sou do RIO… então, tive que pesquisar e aprender)…ele falou sobre suas idas ao Mineirão (estádio) com seus irmãos…Enfim, foi muito rico…depois ele me pediu que trouxesse algo sobre o flamengo tb…

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.