Uma experiência de Arte, Terapia Ocupacional e Integração Sensorial

0
4846

Na descoberta da integração dos sentidos a arte valida a passagem do corpo para o mundo.

IMG_6417

Luan* chegou a mim para a intervenção de Integração Sensorial. Era um menino franzino, inteligente e com queixas da escola de dispersão e inabilidade motora.  A família não sabia como lidar com o seu comportamento “irreverente” e com o modo diferente de se comunicar. Estas queixas me levaram a entender esses sinais como indicativos de problemas de processamento sensorial.

Construímos juntos um programa onde Luan foi descobrindo seu corpo, as sensações da interação dele com o mundo e vivenciando novos caminhos de possibilidades. Regulando o corpo no tempo e espaço…integrando sensação, movimento, emoção e cognição.
IMG_6344
Pendurando nos cipós do Tarzan, girando, pulando, brincando de sustentar seu corpo parado e em movimento, inventando brincadeiras, planejando e vivendo a conversa da imaginação com a realidade, própria do universo infantil.
Aos poucos Luan foi ficando auto confiante dando passagem para as etapas de seu desenvolvimento. Entre as atividades do programa de Integração Sensorial abrimos espaço para as auto expressivas como modelagem, colagem e pintura. Prosseguimos então a explorar os sentidos por outras formas, junto à coordenação motora, a elaboração das emoções, a atenção e por que não a arte.
Luan revelou sua habilidade em criar e um maravilhoso potencial estético. Talvez o lugar de estruturação que conseguimos chegar possibilitou a Luan se ver de outras maneiras  que não aquelas de menino “estabanado e desatento”. Mas sim, brincalhão e criativo.
A felicidade tomou conta de Luan. E ele foi embora para o mundo… deixando a sua presença em meu caminho de terapeuta ocupacional.
*Luan é nome fictício.
(A primeira fotografia foi uma arte criada por L. 7 anos)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.