O design que pode ajudar no cotidiano #ImagemDaSemana

2
2234

Trouxe hoje essa imagem de um conjunto de chá diferente. Nele quem vai ser vir não precisa se preocupar em coordenar o bule em direção da xícara, nem tão pouco com o peso, basta inclinar o bule e “tchanránnn” o chá das 5 está servido.

Nem adianta perguntar onde vende (nem vi!), mas vocês podem ir na fonte da imagem e pesquisar… Apesar do meu “mershan” gratuito, meu objetivo principal foi relembrar como o design pode contribuir para o cotidiano, e principalmente, pode desenvolver produtos bonitos e comerciais que podem ajudar pessoas com e sem dificuldades nas atividades diárias.

Concordam??

🙂

Fonte: Home Design Ideas

 

Sou terapeuta ocupacional de formação, comunicadora por dom e experiência ao longo dos 10 anos frente ao reab.me; empresária que aposta na produção de produtos e conteúdos significativos e com propósito para ajudar as pessoas que precisam dos cuidado da reabilitação. Editora-chefe do Reab.me. Terapeuta Ocupacional (UFPE) com especialização em Tecnologia Assistiva (UNICAP). Mestre em Design (UFPE). Sou autora de 4 livros de exercícios para estimulação cognitiva que servem como material de apoio em contextos terapêuticos que visam a manutenção ou melhora de disfunções cognitivas. Sendo eles: - 50 exercícios para estimulação cognitiva: o cotidiano em evidência; - 50 exercícios para estimulação cognitiva: a culinária em evidência; - 50 exercícios para estimulação cognitiva: a família em evidência; - 50 exercícios para estimulação cognitiva de crianças com dificuldades de aprendizagem. No mais, sou Ana, esposa de Fábio, mãe de Olga e Inácio. Praticante de meditação e yoga.

2 COMENTÁRIOS

  1. Adorei o produto! Estou atendendo uma pessoa com ELA e vivo pensando em como deixá-la independente sem gastar energia. Se vc tiver mais fotos ou idéias como essa me envia!?
    Beijo e saudade.
    Ana Luiza

  2. Muito interessante está imagem!!!!
    Dá uma alegria no coração saber que podemos usar a tecnologia, o design, e a criatividade para tornarmos nossos pacientes mais independentes e bem mais felizes. Curtir e muitooooo

Deixe uma resposta para ana luiza Cancelar resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.