GyroGlove: tecnologia vestível que promete neutralizar o tremor das mãos causado pela doença de Parkinson

5388

Faii Ong é o responsável pela ideia que poderá ser a diferença entre a dependência e independência nas atividades diárias das pessoas com Parkinson: a Gyroglove. A luva desenvolvida por Ong promete neutralizar o tremor da mão dos pacientes com Parkinson.

A necessidade de buscar uma solução não-medicamentosa para esse sintoma da doença surgiu quando Ong ainda estudante de medicina e se deparou com a dificuldade de um paciente parkinsoniano de 103 anos na hora da refeição, quando tentava tomar sopa de forma independente.

Depois de avaliar o uso de elásticos, pesos, molas, hidráulica, e até robótica, Ong encontrou a solução em um princípio mais simples, que ele reconheceu nos seus brinquedos de infância: giroscópios. “Os giroscópios mecânicos são como piões: eles sempre tentam ficar em pé por meio da conservação do momento angular“, explica ele. “Minha idéia foi usar giroscópios para instantaneamente e proporcionalmente resistir ao movimento, atenuando assim quaisquer tremores na mão do usuário.”

Juntamente com uma série de outros alunos do Imperial College London, Ong trabalhou no laboratório de prototipagem da universidade para executar vários testes. Os pacientes com Parkinson relatam que o uso do GyroGlove, que Ong acredita ser a primeira solução de tratamento de “tecnologia vestível” para tremores nas mãos, é como mergulhar a mão em um xarope espesso, onde o movimento é livre, mas há desaceleração simultânea. Em testes iniciais, a equipe constatou que a luva reduz tremores em até 90%.

Embora a equipe do projeto ainda esteja trabalhando no tamanho e no ruído da luva, a companhia GyroGear já ganhou vários prémios a nível europeu, e a Gyroglove  hoje representa uma grande esperança para muitas das organizações dedicadas a tratar pacientes de Parkinson.

Alison McGregor, professor de biodinâmica músculo-esquelética do Imperial College, que tem sido um mentor para a equipe, diz que o dispositivo “é uma grande promessa e pode ter um impacto significativo na qualidade de vida dos usuários.” Helen Matthews da Cure Parkinson’s Trust concorda: “A GyroGlove vai tornar as tarefas diárias, como usar um computador, escrever, cozinha, e dirigir possível para quem tem a doença de Parkinson“, diz ela.

Com os fundos que surgiram a partir do reconhecimento do equipamento, a GyroGear continua com o desenvolvimento de GyroGlove. A intenção é tentar lançar esse equipamento assistivo em Setembro, no Reino Unido, a um preço que está avaliado entre 400 e 600 libras.

Quer acompanhar o andamento da Gyroglove? Site: gyrogear | Twitter:@gyroglove

Entrevista com Faii Ong sobre a GyroGlove:

Veja também:

Google Glass: “órtese cerebral” na doença de Alzheimer

Colher de alta tecnologia para pessoas com doença de Parkinson

Que exercícios são os melhores para as pessoas com doença de Parkinson?

O Quarteto: filme que aborda a doença de Parkinson

 

Conheça os cadernos de exercícios para estimulação cognitiva Reab.me!! 

 

cadernos

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.