Estratégias que podem ser usadas por pessoas com disfunção cognitiva

1
3162
As seguintes estratégias foram retiradas do site mult-sclerosis.org e servem para pessoas com Esclerose Múltipla e outras condições que incluem disfunção cognitiva:
Anote tudo.  Organização é o primeiro passo para uma boa memória. Um caderno, um smartphone ou um palm podem ser bons recursos mneumônico. O palm e o celular podem ser ferramentas excelentes pois podem ser programados para lembrar de coisas que você precisa com um simples som.
Tente anotar realmente tudo!!!  isso inclui os nomes das pessoas e como elas aparecem para você. Muitas vezes apenas o ato de escrever irá ajudar a sua memória. Fotos também ajudam.
– Ter um lugar específico para tudo e sempre colocar as coisas de volta onde pertencem e incentivar os outros a fazerem o mesmo. Essa é uma ótima estratégia se for bem treinada e estimulada porque você não precisará  se lembrar onde você colocou as chaves ou os óculos porque eles estão sempre em seus lugares.
– Tente concentrar sua atenção mais intensamente nas coisas que são importantes. Ao ter consciência que aquela informação é importante e precisa ser armazenada, volte sua atenção a ela e use estratégias como repetir. Pessoas com EM freqüentemente relatam que ruídos externos os distraí de prestar atenção em alguma coisa.
– Trabalhe na velocidade do desempenho satisfatório. Leve o tempo necessário para planejar ou desempenhar as tarefas; se você cuida de alguém cuja velocidade de desempenho é menor, respeite-a! Se necessário incetive ou use ajudas externas que possam ajudar nas etapas da tarefam como papel e calculadora.
Outras estratégias não citadas acima? Descreva-as nos comentários do post.
Sou terapeuta ocupacional de formação, comunicadora por dom e experiência ao longo dos 10 anos frente ao reab.me; empresária que aposta na produção de produtos e conteúdos significativos e com propósito para ajudar as pessoas que precisam dos cuidado da reabilitação. Editora-chefe do Reab.me. Terapeuta Ocupacional (UFPE) com especialização em Tecnologia Assistiva (UNICAP). Mestre em Design (UFPE). Sou autora de 4 livros de exercícios para estimulação cognitiva que servem como material de apoio em contextos terapêuticos que visam a manutenção ou melhora de disfunções cognitivas. Sendo eles: - 50 exercícios para estimulação cognitiva: o cotidiano em evidência; - 50 exercícios para estimulação cognitiva: a culinária em evidência; - 50 exercícios para estimulação cognitiva: a família em evidência; - 50 exercícios para estimulação cognitiva de crianças com dificuldades de aprendizagem. No mais, sou Ana, esposa de Fábio, mãe de Olga e Inácio. Praticante de meditação e yoga.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.