Usando a mente para discar o telefone. Será???

0
2847

Em mais uma inovação tecnológica, os investigadores da Universidade da Califórnia em San Diego desenvolveram um dispositivo Bluetooth que permite ao usuário discar um telefone, concentrando-se no lugar de introduzir manualmente os números. =O #TôBesta

Masssss…. não é tão fácil, não é  só pensar “3427 6775”, o processo envolve a chapelaria e eletrodos e uma tela com números piscando. É um processo lento, que apresenta apenas 70-85% de precisão, ou seja, não espere esse aplicativo para breve.

Os objetivos do projeto são mais abrangentes que simplesmente substituir o ato de digitar, os pesquisadores estão destinados a melhorar toda interface entre o cérebro e o computador, tornando-o mais acessível e aplicável a dispositivos cotidianos, um desenvolvimento que poderia melhorar a comunicação para as pessoas com limitações físicas.

Quer ler mais mais? IOP Science.

Fonte: clica aqui.

Foto: reticulating

Sou terapeuta ocupacional de formação, comunicadora por dom e experiência ao longo dos 10 anos frente ao reab.me; empresária que aposta na produção de produtos e conteúdos significativos e com propósito para ajudar as pessoas que precisam dos cuidado da reabilitação. Editora-chefe do Reab.me. Terapeuta Ocupacional (UFPE) com especialização em Tecnologia Assistiva (UNICAP). Mestre em Design (UFPE). Sou autora de 4 livros de exercícios para estimulação cognitiva que servem como material de apoio em contextos terapêuticos que visam a manutenção ou melhora de disfunções cognitivas. Sendo eles: - 50 exercícios para estimulação cognitiva: o cotidiano em evidência; - 50 exercícios para estimulação cognitiva: a culinária em evidência; - 50 exercícios para estimulação cognitiva: a família em evidência; - 50 exercícios para estimulação cognitiva de crianças com dificuldades de aprendizagem. No mais, sou Ana, esposa de Fábio, mãe de Olga e Inácio. Praticante de meditação e yoga.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.