Estudo comprova evidência de intervenções de Terapia Ocupacional para crianças com deficiência

0
332

Existe evidência sobre as intervenções de Terapia Ocupacional para crianças com deficiência? Se te perguntarem isso, responda com um sonoro simmmmm!!! Mas antes, leia essa revisão sistemática publicada no Australian Occupational Therapy Journal (2019) para ir mais fundo nessa conversa.

A Terapia Ocupacional Pediátrica busca melhorar o engajamento e a participação das crianças nos papéis da vida. Existe uma grande variedade de abordagens de intervenção para conseguir esse resultado de participação.

O objetivo do artigo foi resumir as evidências de intervenção disponíveis para crianças com deficiências, para ajudar as famílias e os terapeutas na escolha de um tratamento eficaz.

A publicação “Eficácia da Terapia Ocupacional Pediátrica em Crianças com Deficiência: uma revisão sistemática” (tradução livre) trata-se de uma revisão sistemática utilizando a metodologia Cochrane. Nela 129 artigos atenderam aos critérios de inclusão, medindo a efetividade de 52 intervenções, em 22 diagnósticos, permitindo a análise de 135 indicações de intervenção. Esta revisão forneceu um resumo de alto nível de intervenções de Terapia Ocupacional Pediátrica.

Existem indicações eficazes de intervenção, oferecendo às famílias e médicos muitas escolhas para combinar com suas preferências e experiência. As comprovadamente eficazes não são as únicas citadas no estudo, que vale a pena você ler, caso você seja da área ou se interesse pelo assunto.

A evidência suportou 40 indicações de intervenção com o maior número no nível de atividades da CIF (Classificação Internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde). Para entender a metodologia e a classificação não deixe de ler o estudo. Foram citadas intervenções, classificadas como “de luz amarela” (de acordo com uma das metodologias usadas), que devem ser acompanhadas por uma medida de resultado sensível para monitorar o progresso; e, intervenções citadas como “de luz vermelha” poderiam ser interrompidas porque existiam alternativas eficazes para as intervenções dessa lista.

Referência: Novak, Iona & Honan, Ingrid. (2019). Effectiveness of paediatric occupational therapy for children with disabilities: A systematic review. Australian Occupational Therapy Journal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.