Caixa de memórias

3
2761

Como todos sabem nosso blog é internacional (somos chics, admito! kkk). Brincadeira à parte, temos leitores de fora do Brasil e por meio deles conhecemos o trabalho de alguns profissionais, como o de Virginia Lozano (twitter: vyr_TO, segue aí gente!). E, eis uma atividade sugerida por ela:

Fazer uma caixa de memória com os clientes. No caso dela, essa atividade  foi realizada com um grupo de residentes em uma instituição para idosos.

O primeiro passo é construir uma caixa para pôr as memórias, pode uma caixa de papelão (qualquer formato ou tamanho). Além disso, são necessárias algumas páginas em branco para escrever.

Virgínia chama a atenção para a importância do posicionamento dos clientes durante a atividade em grupo, todos devem ouvir a terapeuta sem dificuldades e o facilitador deve explicar de individualmente para os clientes com dificuldades de compreensão.

A proposta da atividade é cada contar memórias, ou seja,  histórias, anedotas e tudo o querem compartilhar. Os que conseguirem, escrevem suas memórias, do contrário o facilitador o faz. Cada papel com a memória deve conter o nome do cliente.Todos do grupo devem ouvir as memórias e podem comentar sobre elas. O terapeuta pode auxiliar alguns clientes com mais dificuldades ajudando-as a relembrar determinadas memórias (que o facilitador já conhece).

Uma vez finalizada a atividade, a caixa de memórias é guardada, depois de algum tempo é reaberta e os mesmos clientes podem relembrar suas memórias e até acrescentar outras.

Essa atividade foi descrita pela Virgínia em seu blog “casiterapeutaocupacional” e ela perguntou se alguém sugere alguma modificação dessa atividade, e aí, alguém se habilita???

P.S:  Se você quer enviar uma atividade para nosso “Janeiro de Exercícios”, divulgando o seu trabalho é só enviar o texto e as imagens para contato@reab.me 😉

Sou terapeuta ocupacional de formação, comunicadora por dom e experiência ao longo dos 10 anos frente ao reab.me; empresária que aposta na produção de produtos e conteúdos significativos e com propósito para ajudar as pessoas que precisam dos cuidado da reabilitação. Editora-chefe do Reab.me. Terapeuta Ocupacional (UFPE) com especialização em Tecnologia Assistiva (UNICAP). Mestre em Design (UFPE). Sou autora de 4 livros de exercícios para estimulação cognitiva que servem como material de apoio em contextos terapêuticos que visam a manutenção ou melhora de disfunções cognitivas. Sendo eles: - 50 exercícios para estimulação cognitiva: o cotidiano em evidência; - 50 exercícios para estimulação cognitiva: a culinária em evidência; - 50 exercícios para estimulação cognitiva: a família em evidência; - 50 exercícios para estimulação cognitiva de crianças com dificuldades de aprendizagem. No mais, sou Ana, esposa de Fábio, mãe de Olga e Inácio. Praticante de meditação e yoga.

3 COMENTÁRIOS

  1. Oi,Gente!
    Farei uma pequena mudança adequar a realidade de um casal de idosos que atendo.
    Será a “caixa de lembranças da vida do casal”, que já tem mais de 40 anos de casados!
    Devem ter muitas lembranças…
    Adorei a atividade!!!!
    Bjs!
    Deus as abençoe.

  2. Olá TOs,
    Adoro as atividades sugeridas aqui.Muito grata!!!
    Tenho uma Caixa de Música, onde coloco palavras soltas e cada cliente pega uma palavra e irá cantar uma música e o trecho dela em que está inserida a palavra. è interessante. Tipo uma Qual é a música. Faço com poemas, provérbios e ai vou variando de acordo ao perfil do cliente.
    Boa noite.
    Beijos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.